blog

“Songs of Innocence” e o retorno à Dublin

Dublin é um lugar que me provoca reações e emoções distintas. Comecei a pensar obsessivamente na cidade ainda pré-adolescente, ao me juntar à legião de fanáticos pela banda mais famosa a surgir por aquelas terras, o U2, e nunca olhar para trás. Que lugar incrível seria esse que teria inspirado quatro meninos de 15 e 16 anos … Continue reading “Songs of Innocence” e o retorno à Dublin

Resistance art, or the art of resisting: 25 years of the East Side Gallery

Fulvio Pinna — Ode an die Freude, East Side Gallery. Credit: Juliana Alvim.

Berlin is not the place you go to if you are looking for romance. It is not quaint, it is not pretty in the most obvious, touristy ways. What Berlin is, is this: a place where you can see many (if not all) of the 20th century’s most horrific historical scars; it is a city … Continue reading Resistance art, or the art of resisting: 25 years of the East Side Gallery

A natureza da empatia

Se você jogar a palavra "empatia" no Google Brasil, o buscador te devolve 11.600.000 de resultados com o termo. Tem o verbete da Wikipedia, as definições de dicionário, e só a partir do sexto resultado você encontra algo que não seja uma descrição fria ou banal da palavra. Mas, afinal, o que é mesmo empatia? … Continue reading A natureza da empatia

Por favor, parem de usar a palavra “dentre”

Ou sobre o perigo das modinhas linguísticas Uma das minhas disciplinas preferidas na escola sempre foi Português. Não me tornei jornalista à toa: as infinitas possibilidades que o (bom) uso de um idioma traz sempre me fascinaram e intrigaram. É possível dizer tanta coisa, às vezes com apenas algumas poucas palavras. Podemos expressar sentimentos, dúvidas, … Continue reading Por favor, parem de usar a palavra “dentre”

O embuste da nova criatividade

Não se assustem com a palavra "embuste" no título deste texto. Ela está ali para nos lembrar que existe uma linha muito tênue entre um discurso verdadeiramente inovador, que promova mudanças reais, e as falácias propagandísticas de cada dia. Volta e meia me pego refletindo sobre essa onda de gurus que surgem vendendo a ideia … Continue reading O embuste da nova criatividade

Além das entrelinhas

A vida de quem trabalha com conteúdo pode, às vezes, ser um pouco ingrata. Muitos jobs não autorais, alterações de escopo ou de tema na última hora, limitações de linhas, colunas, número de palavras, de caracteres... No entanto, quem ama escrever não troca esse tipo de “problema” por qualquer outro. Produzir conteúdo – assim como … Continue reading Além das entrelinhas

Como um texto constrói (ou destrói) sua marca

Um fenômeno comum na internet atualmente, tanto em páginas de empresas quanto em perfis nas redes sociais e sites de “notícias” – com aspas porque às vezes o que passa por notícia nada mais é do que um factoide ou, para usar uma expressão atual, uma “pós-verdade” – são textos com erros de português ou … Continue reading Como um texto constrói (ou destrói) sua marca